Páginas

sábado, 18 de maio de 2013

Os grandes e pequenos gestos


Nunca foram os grandes gestos que me tocaram mais,

eles são por demais alarmantes.
Os pequenos, estes sim, me chamam muita atenção.
Tanto podem me fazer um bem danado, como pode gerar um amargo desprazer.
Sou das coisas pequenas. Das coisas reais, verdadeiras e sinceras...

E acredito que justamente por a maioria das pessoas preocupar apenas com os gestos 
grandes é que elas não percebem os pequenos.
Bobas!!
As coisas grandes acontecem ocasionalmente, 
as pequenas, no entanto, diariamente.
 As grandes chamam-nos a todos muito a atenção, mas justo por serem grandes. 
Porém, passam pouco após o impacto.
As pequenas nunca passam, porque nunca se acabam,
são da rotina,
e como tal sequer são lembradas por todos
pois são vividas e percebidas só por quem tb compreende a importância dos pequenos e 
singelos gestos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...