Páginas

quarta-feira, 25 de março de 2015

Como dizer o que penso sem magoar o outro?

Ser sincero não é fácil, principalmente quando estamos mais preocupados com o bem do outro que o nosso.

Por isso ser sincero é para poucos. A sinceridade implica em não temer o julgamento alheio. E, inclusive, ignorar as "caras feias". Significa que muitos vão se afastar. Pensando nisso, muitas vezes, estamos a medir o que dizemos, damos voltas, e passamos por cima de nossas vontades e, também, de nossas capacidades.

A sinceridade requer coragem. Mas ela é, definitivamente, libertadora.

Quando somos capazes de ser sinceros com o outro, vamos atrair pessoas também sinceras.

Todavia ser sincero não significa ser arrogante. É possível ser amável e gentil, mesmo dizendo um não a alguém querido, ou nem tão querido assim. Também é possível ser sincero numa discussão sobre algum tema sem desmerecer a opinião alheia. Contudo, obviamente, ela vai nos afastar de certas pessoas. Mas nos aproximará de outras.

Sinceridade pode até ser um dom de poucos, mas não tenho dúvida que é um aprendizado a ser exercitado todos os dias por cada um de nós.

É espinhoso o caminho da sinceridade, mas o perfume e a beleza da liberdade que brota de seu germinar é intransferível.

Assim, deixamos uma mensagem a todos/as que tem esta dificuldade, a de ser sincero/a, a de não magoar e a de evitar as tensões:

 "Encontremos um modo gentil e educado de experimentar a sinceridade e estejamos prontos para os bons grãos que restarão do chacoalhar de nossa peneira."




Um comentário:

  1. Acredito que temos que ser verdadeiros sim uns com os outros, procurarmos sempre ser sincero, mas também acredito que tudo tem limite na vida, até falar o que pensa, nem tudo que pensamos devem ser dito, e quem disse que tudo que penso é sincero? Não que devemos sermos omissos, ou covardes, sermos honestos sempre nas nossas opiniões, tendo acima de respeito ao próximo.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...